Cremação: ato de amor e sustentabilidade

Diferentemente do que muitos acreditam, a cremação não afeta o meio ambiente, sendo considerada uma técnica limpa. Na Brucker Fornos Crematórios a preocupação com a sustentabilidade é um dos pilares da empresa e também está presente entre os inúmeros motivos que impulsionam o aumento no número de cremações, por ser uma opção que foge à liberação de gases poluentes e é extremamente ecológica e correta.

Optar pela cremação é escolher o processo póstumo que gera o menor impacto ao meio ambiente e, além disso, a cerimônia é passa a ser um gesto de respeito e amor com o ente querido.

O procedimento evoluiu ao longo dos anos e conta, hoje, com tecnologia e equipamentos modernos. Um exemplo está na fumaça: na cremação, ela não existe. Já as cinzas resultantes desse processo são compostas, basicamente, por carbono, um material não poluente – podem ser jogadas no mar ou na natureza sem gerar contaminação.

Como o cuidado é uma palavra constante em todo planejamento da Brucker Fornos, além de oferecer uma linha de urnas que não agredem o meio ambiente, a empresa também as disponibiliza em diversos modelos, com diferentes formatos e cores, dando opções que se adaptem ao desejo dos familiares.

Seja qual for o destino dado às cinzas, a sustentabilidade da cremação é hoje a escolha mais ecológica. É um ato de respeito e consciência com o planeta e as futuras gerações, que acarreta benefícios as famílias e ao meio ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *